Internacional
Morreu Carlo Rambaldi, criador de «ET» e «Alien»
E.T
Redação Lux em 11 de Agosto de 2012 às 10:03
O criador do extraterrestre «ET» e do monstro «Alien», o italiano Carlo Rambaldi, galardoado três vezes com o Óscar para os melhores efeitos especiais, morreu na sexta-feira aos 86 anos, na Calábria (sul de Itália), divulgou um responsável local.

«Desaparece um dos génios internacionais do cinema, um mágico dos efeitos especiais», afirmou o conselheiro regional para a Cultura italiano, Mario Caligiuri, referindo que Rambaldi morreu no hospital de Lamezia Terme, localidade onde residia há vários anos. O responsável local não adiantou a causa da morte.

Nascido a 15 de setembro de 1925 em Vigarano Mainarda, no nordeste de Itália, Rambaldi foi distinguido em três ocasiões com o Óscar para os melhores efeitos especiais com os filmes «King Kong» (1976), «Alien» (1979) e «ET» (1982).

Rambaldi, diplomado pela Academia de Belas Artes de Bolonha, começou a frequentar o mundo do cinema em 1956, tendo colaborado com vários realizadores italianos como Mario Monicelli, Marco Ferreri (autor de «A grande farra»), Pier Paolo Pasolini e Dario Argento.

Já em Hollywood, Rambaldi consegue aperfeiçoar algumas técnicas de efeitos especiais, investindo na combinação entre a eletrónica e a mecânica.

Depois de criar o monstro «Alien» para o filme de Ridley Scott, em 1979, o especialista idealiza no início dos anos 1980 aquela que é considerada a sua obra-prima, o «ET», um pequeno extraterrestre que protagonizou o filme de Steven Spielberg.

Rambaldi também colaborou em outros filmes de sucesso como foi o caso dos «Encontros Imediatos do Terceiro Grau» (1977, também de Spielberg) e «Dune» (David Lynch, 1984).

Lusa
Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção