Internacional
Morreu a escritora brasileira Elvira Vigny
Elvira Vigny
Redação Lux em 11 de Julho de 2017 às 14:55

 A escritora brasileira Elvira Vigny, de 69 anos, autora de “Nada a Dizer”, que lhe valeu o Prémio Machado de Assis, em 2010, morreu na segunda-feira, em S. Paulo, no Brasil, anunciou hoje a Quetzal Editora.

A escritora foi vítima de um “carcinoma micropapilar invasivo, que se iniciou com um cancro na mama, em 2012”, noticiou o jornal brasileiro Estadão. “Apesar disso, os últimos anos foram de grande atividade, tendo publicado sete livros, desde a trágica notícia da sua doença”, afirma, por seu turno, a Quetzal, no comunicado hoje divulgado.

Em 2015, a escritora ficou em 2.º lugar no Prémio Oceanos, que sucedeu ao antigo Prémio de Literatura Portugal Telecom, com o livro “Por Escrito”. O júri considerou, na ocasião, que a autora apresentou "um grande trabalho de ousadia estilística, além de enfrentar temas difíceis com uma agressividade inédita no género".

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção