Internacional
Sinéad O'Connor: 'O meu filho de 30 anos bateu-me'
Sinéad O'Connor: 'O meu filho de 30 anos bateu-me'
Redação Lux em 12 de Dezembro de 2017 às 09:59

A cantora Sinéad O'Connor publicou uma denúncia de agressão por parte do filho mais velho.

"O meu filho de 30 anos bateu-me esta noite. No alpendre de casa dele. A sorrir, a namorada ajudou-o. Em frente ao meu filho de 13 anos. Tudo porque defendi o meu filho de 13 anos, que foi abusado durante toda a semana pelo meu filho de 30 anos e pela namorada. Tu e a tua namorada são pais adotivos abusivos. Recebem 350 euros por semana por me terem roubado o meu filho sob falsos pretextos e mentiras (...). Por fim, mostraste aquilo de que és feito. Bateste na tua mãe. Agora tenho um tornozelo partido. Bom trabalho", escreveu a intérprete do tema "Nothing Compares 2 U", partilhou a cantora, de 51 anos, no facebook num post entretanto eliminado.

O motivo da discussão teve a ver com o filho mais novo de Sinead O'Connor, Yeshua Bonadio, cuja custódia é detida por este irmão.

Nos últimos anos, a cantora irlandesa tem partilhado momentos angustiantes nas redes sociais relacionados com depressão e tentaivas de suicídio, que culminaram com a sua hospitalização este verão.

 

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção