Internacional
Mira Sorvino relata caso de assédio chocante quando tinha 16 anos
Mira Sorvino - The Weinstein Company & Netflix - After-party Globos de Ouro 2016 - 10.01.16 Foto: Reuters
Redação Lux em 16 de Julho de 2018 às 16:59

Depois de apontar o dedo a Harvey Weinstein, a atriz Mira Sorvino fez revelações chocantes sobre a sua experiência de assédio em Hollywood, numa entrevista ao podcast HFPA In Conversation da Associação da Imprensa Estrangeira de Hollywood.

Aos 50 anos e mãe de quatro filhos, do seu casamento com o também ator Christopher Backus, Mira Sorvino contou um episódio que se passou quando tinha 16 anos e em que clama ter sido amordaçada com um preservativo.

“Ao reavaliar minha carreira, dei conta de que numa de minhas primeiras audições, quando tinha 16 anos, o diretor de casting me tratou de uma maneira completamente inapropriada. Para me assustar para uma cena de um filme de terror, amarrou-me a uma cadeira, aleijou-me no braço. Tinha 16 anos e ele amordaçou-me com um preservativo”, contou.

A atriz omitiu, contudo, o nome do diretor.

“Eu era nova demais até para saber, graças a Deus, como era o saber de um preservativo. Foi tão inapropriado. E que diabos um diretor de elenco fazia com um preservativo no bolso durante uma audição?”

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção