Internacional
Mia Farrow denunciada pelas mortes trágicas dos filhos adotivos
Mia Farrow discursa na sede da ONU em Nova Iorque (Foto: Reuters)
Redação Lux em 18 de Dezembro de 2018 às 11:43

Mia Farrow, atriz que foi casada com Frank Sinatra e teve uma longa relação com Woody Allen que hoje acusa de ter molestado uma das suas filhas, está novamente a ser ela acusada de maus tratos  dos filhos. Mia Farrow teve quatro filhos biológicos e entre os dez filhos adotivos , três morreram de forma trágica.

A má relação com a mãe adotiva foi tornada pública por Soon-Yi,  filha adotiva da atriz Mia Farrow e do músico André Previn,que em 1992 começou um escandaloso romance com o ex companheiro da mãe Woody Allen, com que está casada até hoje e tem dois filhos adotivos. Soon Yi e o irmão Moses denunciaram que a mãe os maltratava e acusaram de maltratar particularmente os filhos Tam, Lark e Thaddeus três crianças que morreram.

Tam era cega, foi adotada em 1992 e vivia com depressão. Morreu em 2000, segundo Farrow de um problema cardíaco, mas Moses clama que a irmã se suicidou com uma grande dose de comprimidos, após uma discussão com a mãe.

No seu blog, A SON SPEAKS OUT By Moses Farrow, Moses diz também que Thaddeus, que era paraplégico e morreu em 2016 se suicidou, com um tiro, dentro do carro, a menos de dez minutos da casa da mãe e revela que os "irmãos, cegos ou com deficiências físicas, eram fechados num quarto ou num armário. Inclusivamente, [Mia Farrow] deixou o meu irmão Thaddeus, paraplégico pela poliomielite, num telheiro ao ar livre por uma noite, como castigo por algo sem importância".

Lark, adotada em 1973, disse numa entrevista que ela e Soon Yi eram tratadas como criadas a tempo inteiro.Lark acabou por cair na dependência de drogas e contraiu o vírus da SIDA morrendo em  2008, no dia de Natal

"Para todos nós, viver com a minha mãe era um pesadelo se não fazíamos exatamente o que nos mandavam", concluiu Moses.

Mia Farrow teve quatro filhos biológicos: Matthew, Sascha, Fletcher e Ronan, e adotou Soon-Yi Previn, Lark Song, Summer Song, Moses Amadeus, Dylan O'Sullivan, Tam, Isaiah Justus, Quincy, Frankie-Minh e Thaddeus Wilk.

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção