Internacional
Redação Lux  com Lusa em 23 de Maio de 2017 às 09:48
Cantora Ariana Grande destroçada com explosão após concerto

A cantora Ariana Grande afirmou hoje estar “destroçada”, após a explosão no final do seu concerto em Manchester, que causou pelo menos 19 mortos e 50 feridos e está a ser tratada pelas polícias como um “incidente de terrorismo”.

“Destroçada. Do fundo do meu coração, lamento imenso. Não tenho palavras”, escreveu a cantora norte-americana na sua conta da rede social Twitter.

A explosão ocorreu pelas 22:45 de segunda-feira junto à Arena de Manchester, no final de um concerto de Ariana Grande.

Foram divulgados vários vídeos amadores. A jovem Ellie Cheetham estava a filmar no exato momento da explosão:

O Governo português está desde segunda-feira à noite a acompanhar o caso da explosão e até ao momento não tem indicação de portugueses entre as vítimas do ataque, que causou 22 mortos.

Segundo fonte da Secretaria de Estado das Comunidades, o caso está a ser acompanhado desde segunda-feira à noite, quando ocorreu a explosão, na Arena de Manchester, e, para já, não há qualquer indicação de cidadãos portugueses entre as vítimas.

A polícia atualizou hoje para 22 o número de mortes da explosão na Arena de Manchester e o comandante da polícia de Manchester, no Reino Unido, acrescentou ainda que 59 feridos estão a ser tratados em oito hospitais diferentes da região.

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção