Internacional
Carrie Fisher morreu devido a apneia do sono
Debbie Reynolds e Carrie Fisher Foto: Reuters
Redação Lux  com AA em 17 de Junho de 2017 às 15:36

Os resultados da autópsia de Carrie Fisher foram revelados mais de seis meses após o falecimento da atriz.

O condado de Los Angeles informou que a apneia do sono, uma doença que causa obstrução das vias respiratórias durante o sono, terá sido a principal causa da morte da atriz. 

A doença terá sido agravada pela conjugação de outros fatores, como o passado da atriz marcado pelo consumo de drogas.

Os médicos legistas sublinharam, no entanto, que não é possível determinar, de forma conclusiva, qual foi a causa da morte de Carrie Fisher.

Recorde-se que Carrie Fisher sentiu-se mal durante um voo que fazia a ligação entre Londres e Los Angeles, a 23 de dezembro de 2016.

A atriz foi hospitalizada, mas acabou por morrer alguns dias depois, a 27 de dezembro.

 

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção