Internacional
Charlie Hunnam ficou devastado por não fazer “As 50 Sombras de Grey”
Charlie Hunnam - Katey Sagal recebe estrela no Passeio da Fama REUTERS
Redação Lux em 15 de Setembro de 2015 às 20:00
Charlie Hunnam diz que recusar interpretar Christian Grey no filme “As 50 Sombras de Grey” foi “a escolha mais difícil que enfrentei e a que me mais afetou a nível emocional enquanto profissional: foi devastador e doloroso”.

O ator, de 35 anos, foi a primeira escolha para o papel, mas decidiu não abraçar o projeto porque já se tinha comprometido a fazer outro filme há um ano.

Charlie confessou à revista V Man que a parte pior da decisão foi informar a realizadora Sam Taylor-Johnson: “Liguei-lhe e estivemos ambos a chorar ao telefone durante 20 minutos”, contou durante a entrevista àquela revista masculina. 
Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
pub
Outros títulos desta secção