Internacional
Ex-modelo adolescente acusa David Copperfield de assédio sexual
David Copperfield - Festa dos Óscares da Vanity Fair em Beverly Hills Foto: Reuters
Redação Lux  com AA em 28 de Janeiro de 2018 às 15:59

A ex-modelo adolescente Brittney Lewis acusou o ilusionista David Copperfield de drogá-la e agredi-la sexualmente em 1988, quando ele foi jurado de uma competição de modelos no Japão em que ela participou.

Brittney Lewis diz que Copperfield a convidou para um dos seus shows na Califórnia após a conhecer na competição em setembro de 1988, quando ele tinha 32 anos e ela 17. Terá sido durante essa viagem que ela foi drogada e agredida.

“Ele estava a beijar o meu rosto e então lembro-me de ele começar a descer no meu corpo com o seu rosto”, disse a ex-modelo: “Eu apaguei completamente”.

Na manhã seguinte, “ele queria que eu soubesse que nada tinha acontecido porque eu era menor de idade”, relatou ainda a ex-modelo.

Entretanto, Copperfield, de 61 anos, fez publicações no Twitter e no Instagram em que afirma ter sido falsamente acusado de má conduta sexual no passado e que estava prestes a “enfrentar uma nova tempestade”.

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção