Internacional
Justin Bieber e Usher vencem em tribunal caso sobre direitos autorais
Justin Bieber e Usher Foto: Reuters
Redação Lux  com AA em 8 de Janeiro de 2017 às 11:14

Uma juíza federal rejeitou um processo de 10 milhões de dólares que acusava os cantores Justin Bieber e Usher de copiar, ilegalmente, partes da sua música conjunta “Somebody to Love” de uma faixa com o mesmo nome de dois compositores norte-americanos.

A juíza distrital Arenda Wright Allen, de Norfolk, Estado da Virgínia, adotou a conclusão de um magistrado federal de que Devin Copeland e o seu primo Mareio Overton não foram capazes de mostrar que Bieber e Usher tiveram acesso à sua música de 2008 antes de criarem a sua própria faixa em 2010. 

Bieber e Usher alegam que a sua música foi baseada numa versão de novembro de 2009 da compositora Heather Bright e de um trio de produtores, The Stereotypes.

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção