Internacional
Cátia Soares em 7 de Junho de 2016 às 19:56
Maureen Miranda, de "I Love Paraisópolis": "Chamavam-me espevitada, comilona e tarada"
1/17 - Maureen Miranda Foto: João Cabral/Lux
2/17 - Maureen Miranda Foto: João Cabral/Lux
3/17 - Maureen Miranda Foto: João Cabral/Lux
4/17 - Maureen Miranda Foto: João Cabral/Lux
5/17 - Maureen Miranda Foto: João Cabral/Lux
6/17 - Maureen Miranda Foto: João Cabral/Lux
7/17 - Maureen Miranda Foto: João Cabral/Lux
8/17 - Maureen Miranda Foto: João Cabral/Lux
9/17 - Maureen Miranda Foto: João Cabral/Lux
10/17 - Maureen Miranda Foto: João Cabral/Lux
11/17 - Maureen Miranda Foto: João Cabral/Lux
12/17 - Maureen Miranda Foto: João Cabral/Lux
13/17 - Maureen Miranda Foto: João Cabral/Lux
14/17 - Maureen Miranda Foto: Cris Couto
15/17 - Maureen Miranda Foto: Cris Couto
16/17 - Maureen Miranda Foto: Cris Couto
17/17 - Maureen Miranda Foto: Cris Couto

 

De passagem por Portugal, Maureen Miranda, a secretária Ester, de "I Love Paraisópolis", recordou a sua personagem, que conquistou o público.

"Por causa da minha personagem chamavam-me de espevitada e perguntavam-me onde é que eu comprava os meus óculos. Chamavam-me de comilona e de tarada (risos). Havia sempre muita empatia com as pessoas.", contou.

A telenovela, que está atualmente a ser exibida em Portugal pela SIC, foi o primeiro grande projeto da atriz, natural de Coritiba.

"Foi um sonho realizado. Eu aluguei um apartamento no Rio para investir na carreira, para ficar mais perto das pessoas e para elas me verem, e funcionou! Já tinha feitio várias participações na Globo e estava sempre a tentar, até que deu certo. A minha formação é de teatro, por isso a linguagem da televisão foi um desafio.", contou.

O bom ambiente que reinava nas gravações também foi uma mais valia, como salienta Maureen: "Foi maravilhoso e isso é o que realmente importa. É lógico que o trabalho é importante, mas também os laços que construímos. O Caio Castro até deu uma festa na casa dele com toda a gente da equipa - atores, figurantes, etc. - e ele disse que nunca tinha sentido vontade de fazer isso.".

Terminadas as gravações, a atriz tem agora vários novos projetos em mãos.

"Estamos a filmar a curta-metragem 'Atira-te ao Rio", em Almada e Lisboa. Como também sou artista plástica e faço roupas e pinturas, vou ter em Portugal uma exposição, que será sobre o universo feminino.", contou a atriz, que diz conseguir gerir facilmente o seu tempo: "Sou muito organizada, workaholic, muito animada e viciada em café. Acho que é o segredo para fazer tantas coisas."

Leia também:

Letícia Spiller com projetos em Portugal: "Quero muito saber a reação do público daqui"

Letícia Spiller, a vilã de "I Love Paraisópolis": "Não é normal fazer tantos amigos numa novela"

Realizadora de "I Love Paraisópolis" grava em Portugal com Letícia Spiller e Maureen Miranda

Na próxima novela, Letícia Spiller vai ser cantora e contracenar com o ex-marido e o filho

 

 

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção