Internacional
Óscares 2017: Meryl Streep acusa Karl Lagerfeld de estragar a festa
Nomeada Melhor Atriz - Meryl Streep –Florence Foster Jenkins - Óscares 2017 Foto: Reuters
 com AA em 27 de Fevereiro de 2017 às 00:47

Meryl Streep acusou o estilista Karl Lagerfeld de estragar a sua noite dos Óscares, depois deste a ter acusado de ser paga para usar um vestido na passadeira vermelha.

Óscares 2017: Veja a passadeira vermelha!

Lagerfeld afirmou esta semana que a atriz de "A Escolha de Sofia" decidiu não usar um vestido da Chanel, porque ia ser paga para vestir uma peça de outro estilista.

"Essa história disseminou-se em todo o mundo, e continua globalmente a ofuscar a minha participação no Oscar, no momento em que bato o meu recorde de 20ª indicação, para também diminuir esse feito aos olhos dos media, dos colegas e da audiência", disse Meryl Streep, de 67 anos, em comunicado.

Meryl Streep foi nomeada por interpretar uma excêntrica cantora na comédia "Florence – Quem é Essa Mulher?".

Entretanto, o estilista emitiu um pedido de desculpas onde admitiu ter "entendido mal que a senhora Streep poderia ter escolhido outro estilista devido à remuneração" e disse que se arrependia pela polémica, mas a atriz não aceitou dizendo que "o 'comunicado' genérico do senhor Lagerfeld de arrependimento pela sua 'polêmica' não foi um pedido de desculpas".

 

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
pub
Outros títulos desta secção