Internacional
Polícia exclui suspeita de crime sobre morte de DJ Avicii
DJ Avicii Foto: DR
Redação Lux em 22 de Abril de 2018 às 16:03

O corpo do DJ sueco Avicii, que morreu na sexta-feira em Omã, foi autopsiado duas vezes e os investigadores excluíram suspeita de crime em relação à causa da morte, indicou hoje uma fonte ligada à polícia do sultanato.

“Confirmamos que não há qualquer pista criminal ligada à morte” daquela estrela da música eletrónica, disse à agência France Presse a fonte que não quis ser identificada.

A polícia daquele país do Golfo tem “todas as informações sobre a morte” do DJ de 28 anos, mas “recusa divulgá-las” a pedido da família, adiantou.

Considerado um dos melhores DJ do mundo, Tim Bergling, conhecido como Avicii, foi encontrado morto na sexta-feira, em Mascate, capital do sultanato de Omã, onde se encontrava há alguns dias de férias com amigos.

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção