Internacional
Cátia Soares em 12 de Março de 2015 às 10:50
Robin Thicke e Pharrell Williams condenados a pagar milhões
1/12 - Robin Thicke (Foto: Reprodução)
2/12 - Robin Thicke - 2014 Billboard Music Awards em Las Vegas Foto: Reuters
3/12 - Robin Thicke - 2013 Z100 Jingle Ball em Nova Iorque Foto: Reuters
4/12 - Robin Thicke - Concerto dos nomeados aos Grammy Foto: Reuters
5/12 - Robin Thicke - 2011 American Music Awards em Los Angeles Foto: Reuters
6/12 - Robin Thicke - 2011 American Music Awards em Los Angeles Foto: Reuters
7/12 - Pharrell Williams - Lista dos Mais Bem Vestidos de 2014 - Vanity Fair Foto: Reuters
8/12 - Pharrell Williams (Instagram GQ)
9/12 - Pharrell Williams - Gala «Rebels With a Cause» nos Estúdios da Paramount em Los Angeles Foto: Reuters
10/12 - Pharrell Williams na Cerimónia dos Óscares 2014 (REUTERS)
11/12 - Pharrell Williams - Encontro dos nomeados para a 86º Óscares da Academia em Beverly Hills Foto: Reuters
12/12 - Pharrell Williams - 19º Annual Critics` Choice Awards Foto: Reuters


Robin Thicke e Pharrell Williams, responsáveis pelo tema de sucesso «Blurred Lines», terão de pagar uma indemnização aos filhos de Marvin Gaye por violação dos direitos de autor.

A família do falecido cantor, que apontou de imediato as semelhanças entre a música de 2012 e o hit «Got To Give Up», de 1977, irá receber uma compensação no valor de cerca de 6,8 milhões de euros.


Já  Robin Thicke e Pharrell Williams, que terão lucrado, segundo o «Page  Six», cerca de 15 milhões de euros com o sucesso de «Blurred Lines», continuam a negar a existência de plágio.


 
Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção