Nacional
Redação Lux em 12 de Janeiro de 2018 às 16:32
O adeus emocionado a Tareka em Salvaterra de Magos

Foi em Salvaterra de Magos que Maria Teresa Ramalho, mais conhecida por Tareka, foi a enterrar. Foram muitos os familiares e amigos que se reuniram na Igreja de São Paulo para o último adeus à atriz, que morreu no dia 2, aos 90 anos, no Hospital da Cuf, em Lisboa, onde estava internada desde outubro.

Maria Teresa Ramalho nasceu em Lisboa, mas trocou a cidade pelo campo quando se casou com o ganadeiro João Ramalho e foi viver para Salvaterra de Magos, onde sempre disse que se sentia em casa. Tinha cinco filhos, dez netos e oito bisnetos. Multifacetada, gostava de ler e escrever, e abraçou a representação – paixão que escondeu sempre do pai – já tarde, pela mão do filho, em cujas novelas tinha sempre um papel reservado. Era também uma mulher com uma vida cheia de histórias divertidas, como o dia em que um touro lhe entrou pela casa. “Tenho a impressão que o touro ainda ficou mais admirado do que eu, ficou estático”, contou um dia em entrevista ao jornal O Mirante.

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção