Nacional
Malato faz confidência dramática: 'temo ter perdido a minha mãe'
José Carlos Malato e a mãe, Margarida
Redação Lux em 11 de Outubro de 2018 às 11:14

José Carlos Malato pulblicou um texto no Instagram que está a preocupar os fãs.

O apresentador de 54 anos revela que deixou de ter contacto com a mãe, Margarida, e explica que o afastamento se deve ao facto da mãe, crente das Testemunhas de Jeová, ter sido proibida de se dar consigo uma vez que este abandonou essa fé há mais de 30 anos e é gay. 

Entristecido, Malato diz-se "órfão de pai e mãe" e, com ironia, anuncia-se "disponível para adopção".

"Perdi o meu pai há 5 meses, em circuntâncias trágicas. Como se não bastasse, temo ter perdido também a minha mãe, neste tempo que passou. Sou desassociado há mais de 30 anos das Testemunhas de Jeová e, por essa razão, a minha mãe foi proibida/proibiu-se (?) de privar comigo e com a minha irmã, vir a nossa casa, tirar fotografias, andar conosco na rua. Porque somos desassociados desta organização fundamentalista e radical e, eu, porque sou gay. Na qualidade de orfão de pai e mãe, estou disponível para adopção! Quem precisar do carinho de um filho amoroso, exemplar, com as minhas características. candidate-se! Como diz Tom Veloso ‘todo o homem, precisa de uma mãe!’ Obrigado.@associacaotestemunhasdejeova@jw.org.pt www.jw.org #josecarlosmalato"

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção