Nacional
Luciana Abreu ilibada
Luciana Abreu na apresentação na nova grelha da SIC Foto: João Cabral/Lux
Redação Lux em 13 de Abril de 2018 às 11:58

Luciana Abreu foi absolvida da prática de um crime de difamação agravada. O processo tinha sido interposto pelo seu pai, Luís Carlos Real, após a atriz e cantora se ter  pronunciado sobre maus tratos infantis numa sessão na Assembleia da República, em 2007.

Apesar da cantora, de 32 anos, nunca ter referido o nome do pai, este, sentindo-se lesado moveu um processo de difamação agravada contra a filha.

"É com muita satisfação e sentido de justiça cumprida que a LVAM Productions partilha o documento anexo. Como poderão analisar no acórdão do Tribunal da Relação de Lisboa que, Luciana Abreu, foi ilibada do processo cível e do processo crime que o Senhor Luís Carlos Sodré Costa Real interpôs contra a artista", refere uma nota de imprensa emitida pela sua agente  Ana Micaela Medeiros.

Luciana Abreu congratula-se ainda pelo facto de “o processo estar fechado, a título definitivo, uma vez que se esgotaram todas as possibilidades de apresentação de recurso”.

 

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção