Nacional
Redação Lux em 13 de Agosto de 2018 às 12:24
Surfista algarvia Yolanda Hopkins vice-campeã no QS1000 de Newquay, no Reino Unido
1/2 - Yolanda Hopkins (Crédito: WSL/Masurel)
2/2 - Yolanda Hopkins (Crédito: WSL/Masurel)

Foi por apenas 2 pontos que a bandeira portuguesa não subiu, este domingo, ao lugar mais alto do pódio em Newquay, no Reino Unido, depois de Yolanda Hopkins ter chegado à final da prova feminina do QS1000 disputado na praia de Fistral, na prova que marcou o arranque da perna europeia do WQS.

A surfista algarvia, de apenas 20 anos, foi-se destacando ao longo da semana em Newquay, conseguindo somar vitória atrás de vitória até chegar às rondas finais do evento britânico. Depois de um dia de pausa no sábado, a competição regressou este domingo e Yolanda retomou o ritmo triunfal, começando por derrubar a taitiana e atual campeã mundial júnior Vahine Fierro nos quartos-de-final.

Após o triunfo surpreendente a abrir o dia, Hopkins prosseguiu a todo o gás para as meias-finais e voltou a passar mais um heat, batendo a jovem norte-americana Rachel Presti e avançando para a grande final do QS1000 de Newquay. Só aí foi travado o ímpeto da surfista algarvia. Yolanda Hopkins acabou por perder o heat de todas as decisões frente à francesa Juliette Lacome, por 12,17 pontos contra 10,17.

Com o vice-título alcançando em Newquay, Yolanda conseguiu o melhor resultado da carreira no WQS, somando 750 pontos para o ranking mundial de qualificação. Dessa forma, Hopkins vai conseguir subir muitas posições no ranking feminino, ficando dentro do top 120 mundial e cada vez mais perto do top 100.

Este resultado também permite a Yolanda Hopkins entrar nas contas paralelas da luta pelo título europeu da WSL, onde a portuguesa Camilla Kemp, que não entrou neste evento, está na vice-liderança, com a francesa Pauline Ado na liderança.

Em prova em Newquay esteve ainda Pedro Coelho, que terminou a prova masculina no 9.º posto final. Um resultado que deverá colocar o jovem surfista da Linha às portas do top 150 mundial.

Do Reino Unido a perna europeia de verão do circuito WQS segue agora para França, onde se realizam dois eventos QS1500, seguindo depois para Pantín, em Espanha (QS6000 feminina e QS3000 masculino), e para Casablanca, em Marrocos, antes de terminar com um novo QS10000 na Ericeira, que se realiza de 24 a 30 de setembro.

 

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção