Nacional
Rita Ferro Rodrigues faz as contas aos 73 mil euros de Bruxelas para as Capazes
Rita Ferro Rodrigues - Lançamento de campanha internacional da joalharia portuguesa 18.10.16 Foto: Salvador Esteves/Lux
Redação Lux em 14 de Maio de 2018 às 15:00

A associação feminista Capazes, liderada por Rita Ferro Rodrigues, ganhou mais de 73,8 mil euros em fundos europeus para fazer oito ações no Alentejo, avançaram vários jornais diários.

A associação feminista de Rita Ferro Rodrigues recebeu 73 mil euros para debater igualdade de género em quatro municípios do Alentejo, no âmbito do Programa Operacional Inclusão Social e Emprego (POISE) do Portugal 2020.

O projeto centrado na região do Alentejo, chama-se “Clubes Capazes” e tem como objetivo debater a igualdade de género, durante o mês de maio, em quatro municípios alentejanos: Odemira, Portalegre, Elvas e Ponte de Sor.

Através de comunicado, a associação veio a público esclarecer que "as contas e mais despesas do projeto Clubes Capazes são públicas e escrupulosamente fiscalizadas" e "Podem ser consultadas por qualquer cidadã ou cidadão" evidenciando que desses 73 856 euros , a Capazes apenas recebeu, até ao momento, "a quantia de 8 917,87 euros".

Vão participar nestas conferências deputadas como Mariana Mortágua (BE) e Catarina Marcelino (PS), apresentadores de televisão como João Baião e a atriz Mariana Monteiro, que não recebem qualquer remuneração.

"As Capazes sentem um enorme orgulho neste projeto e na transparência absoluta dos seus procedimentos e agradecem a todas as pessoas que participam na iniciativa Clubes Capazes enchendo os auditórios (de entrada livre e gratuita) com a sua participação empenhada e consciente da importância da luta pela Igualdade de Género", termina a nota.

 

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção