Nacional
Redação Lux em 20 de Outubro de 2017 às 15:36
Fotos: 1ª edição do A Quatro Mãos – Encontro de Escrita para Cinema e Televisão em Português
1/4 - Jim Sheridan - 1ª edição do 'A Quatro Mãos' – Encontro de Escrita para Cinema e Televisão em Português Foto: Afonso Castella
2/4 - James Bonnett - 1ª edição do 'A Quatro Mãos' – Encontro de Escrita para Cinema e Televisão em Português Foto: Afonso Castella
3/4 - 1ª edição do 'A Quatro Mãos' – Encontro de Escrita para Cinema e Televisão em Português Foto: Afonso Castella
4/4 - 1ª edição do 'A Quatro Mãos' – Encontro de Escrita para Cinema e Televisão em Português Foto: Afonso Castella

Durante quatro dias, a primeira edição do A Quatro Mãos – Encontro de Escrita para Cinema e Televisão em Português reuniu mais de três dezenas de especialistas de escrita para audiovisual no Centro Cultural de Cascais e Casa das Histórias – Museu Paula Rego, cujos testemunhos foram ouvidos por profissionais do setor (atores, realizadores, guionistas, publicitários ou estudantes, entre outros). O evento, promovido pela Academia Portuguesa de Cinema, conta com o apoio da Globo, Fundação D. Luís I, Estoril Sol, Câmara Municipal de Cascais, ICA, a Gedip, NOS e FCB. Tem produção executiva de Paulo Trancoso e coordenação geral de Patrícia Vasconcelos, que partilha a direção de projeto com Rui Vilhena e Edson Athayde. A organização assume a vontade de dar continuidade do projeto no próximo ano, mas ainda sem datas definidas.

Do programa do A Quatro Mãos constaram palestras, workshops, debates, sessões de cinema com os autores – “Florbela” de Vicente Alves do Ó, “Que Horas Ela Volta” de Anna Muylaert, e "Cinzento e Negro" de Luís Filipe Rocha –, bem como uma masterclass com o guionista norte-americano James Bonnet. O projeto acolheu vários oradores internacionais, com destaque para Jim Sheridan, realizador irlandês com vários sucessos de bilheteira; Valentín Fernández-Tubau, consultor de guiões e professor espanhol; e dos brasileiros Sonia Rodrigues, Adriana Falcão, Fernando Bonassi, Jô Bilac, Adilson Xavier ou Paulo Morelli.

Do lado nacional, sublinha-se as presenças da premiada Leonor Teles, de Simão Cayatte e de André Marques numa mesa-redonda focada na escrita de curtas-metragens. Também Bruno Nogueira, Marco Martins, Nuno Markl, Ana Markl, Tiago R. Santos, Sérgio Graciano, Filipe Homem Fonseca ou Pedro Marta Santos deram o seu contributo em vários momentos do A Quatro Mãos. O projeto teve ainda um evento de antecipação que contou com a presença internacional de Roger Gual, o guionista e realizador da primeira longa metragem original da Netflix Espanha. Nesta preview foram programadas cinco atividades, com intervenções de profissionais como Nuno Bernardo – produtor e argumentista da Beactive Entertainment –, Luís Campos – promotor do festival Guiões – e João Botelho – realizador e guionista.

 

 

 

20 de outubro de 2017

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção