Nacional
Ciclista português 'apanhado' no controlo de doping clama inocência
André Cardoso e Nuno Ribeiro
Redação Lux em 28 de Junho de 2017 às 11:30

O ciclista português André Cardoso (Trek-Segafredo) disse hoje estar inocente e que defende um desporto limpo, depois de ter tido um resultado anómalo num controlo antidoping fora de competição.

“Espero que aqueles que me conhecem confiem em mim quando digo que estou inocente e que os meus colegas e fãs do ciclismo em todo o lado não me julguem demasiado rapidamente neste momento tão difícil”, pediu André Cardoso, numa mensagem publicada na rede social Facebook.

De acordo com a União Ciclista Internacional (UCI), o português, de 32 anos, foi alvo de um controlo fora de competição em 18 de junho, levado a cabo pela Fundação Antidoping do Ciclismo e que revelou a presença de eritropoietina (EPO), ficando de imediato suspenso.

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção