Nacional
Redação Lux  com CSS em 8 de Setembro de 2016 às 16:43
Diogo Morgado explica saída da SIC e garante que nunca esteve na profissão "por dinheiro"
1/5 - Diogo Morgado Foto: DR
2/5 - Diogo Morgado Foto: Divulgação
3/5 - Diogo Morgado Foto: Divulgação
4/5 - Diogo Morgado Foto: Divulgação
5/5 - Diogo Morgado Foto: DR

 

Diogo Morgado utilizou as redes sociais para esclarecer a polémica sobre a sua ida para a TVI, onde irá integrar um novo projeto.

No Facebook, o ator, de 35 anos, garantiu que nunca esteve na profissão "por dinheiro" e que a estação de Queluz lhe propos um projeto "de tirar o fôlego", razão pela qual saiu da SIC.

"Amigos gostava de vos dirigir algumas palavras acerca do que já rola sobre a minha ida para a TVI para um novo projeto. É desapontado e triste que li algumas notícias tanto das razões que supostamente me levaram a sair da SIC, como os comentários das supostas 'fontes próximas' da SIC falando coisas sem nexo ou qualquer fundamento como justificativa da minha saída. É por respeito a vocês público, que me quero pronunciar sobre esta matéria. Porque vocês são os únicos que me interessa o que pensam e sentem sobre o meu trabalho. A única e exclusiva razão pela qual irei começar um projeto na TVI é apenas e só essa mesmo, o projeto. A minha relação com a SIC sempre foi de criatividade e desafio, exemplo disso foram projetos como 'Amo-te Teresa', 'Salazar' ou 'Vingança' ou 'Aqui não há quem viva', todos eles muito diferentes que me desafiaram tremendamente e me permitiram aprender e crescer como profissional de uma forma única, isso começou a deixar de acontecer. Os anos vão passando e mais do que um trabalho eu procuro experiências profissionais que façam com que continue a dar ao público uma única coisa, o melhor de mim. Nunca estive na profissão por dinheiro, e é triste que a dita 'fonte próxima' da SIC diga coisas como 'o dinheiro falou mais alto' e se esqueça de referir que o Diogo Morgado pediu uma suspensão do seu vencimento à SIC justamente porque não queria receber sem trabalhar. Essa suspensão foi aceite diplomaticamente. A mesma diplomacia que sempre distinguiu a SIC e que espero que tirando essas 'fontes próximas' se mantenha. A única coisa que eu quero é surpreender o público com histórias boas e interpretações inesperadas, independentemente do formato, língua, país ou estação. Não quero fazer parte de uma guerra cada vez menos profissional e sei que vocês também não. Muito obrigado pelo vosso carinho e apoio. Até á próxima história, que será de tirar o fôlego, vão ver.", escreveu o ator.

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção