Nacional
Redação Lux  com CSS em 17 de Junho de 2015 às 15:54
Em guerra aberta, Lili e Jô Caneças trocam insultos na TV
1/7 - Jô Caneças e Lili Caneças Foto: DR
2/7 - Lili Caneças - Gala dos Globos de Ouro 2015 Foto: Artur Lourenço/Lux
3/7 - Lili Caneças - Gala TV7Dias 2015 29.04.15 Foto: João Cabral/Lux
4/7 - Lili Caneças - Desfile da nova coleção Eugénio Campos 30.04.15 Foto: Tiago Frazão/Lux
5/7 - Jô Caneças - 25º Aniversário da Casa do Marquês 13.04.15 Foto: João Cabral/Lux
6/7 - Jô Caneças - Vogue Fashion`s Night 2014 Foto: Salvador Esteves/Lux
7/7 - Jô e Álvaro Caneças - Gala do 100º Espetáculo Lord of the Voices no Casino Estoril Foto: Divulgação

Lili Caneças e Jô Caneças, a antiga e a atual mulher do empresário Álvaro Caneças,voltaram a trocar insultos em televisão.

Desta vez, tudo começou quando Cláudio Ramos, do «Jornal Rosa», da SIC, perguntou a Lili se ainda tinha o sonho de vir a encontrar o amor.

«Já engoli sapos, já engoli a mulher do sapo, o filho do sapo, a amante da mulher do sapo, já fiz coisas exclusivamente para ganhar dinheiro. (…) Entretanto, poupei, poupei, poupei e agora estou tranquila e, verdadeiramente, só faço o que me apetece», respondeu Lili, sem nunca referir o nome de Jô.

Confrontada com estas declarações, a atual mulher de Álvaro Caneças respondeu à letra: «Se por sapo ela se está a referir ao ex-marido, que tanto a ajudou e ajuda, então devia ter um bocadinho mais de respeito. Eu não conheço ninguém chamado sapo, o meu marido não se chama sapo, chama-se Álvaro. Em relação aos amantes, eu nunca fui mulher de amantes. Só se ela (Lili) se está a referir a ela própria… Se ela não se portasse mal, o lugar ainda era dela. Eu não tomei o lugar de ninguém, ela é que não respeitou o marido. O casamento dela só acabou porque ela se portou mal. Devia era ter um bocadinho mais de respeito pelo pai dos filhos dela e não fazer tanto a cabeça deles contra mim. Já lá vão 32 anos e nenhum fala comigo. Ao fim de 32 anos já não me chateio. Eu, no lugar dela, tinha vergonha, mas como todos sabemos, há pessoas que não têm vergonha nenhuma na cara e que até lhes interessa usar o nome. Se eu acho que ela ainda gosta dele? Às vezes, pelas coisas que diz, tanta bobagem dá a entender que tem uma grande dor de corno. Se não tivesse ciúmes, se calhar não fazia e dizia tanta asneira».


 
Jô Caneças responde a Lili Caneças no Jornal Rosa por televisaoportuguesa
Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção