Nacional
Vasco Pereira em 31 de Agosto de 2016 às 09:44
Margarida Rebelo Pinto fotografada para a Lux

 

"As caraterísticas da condição humana são ancestrais. Os homens sempre foram à caça e estiveram fora de casa. Portanto, não vale a pena contar muito com eles para companhia, porque não é assim que funciona". Talvez sobre esta premissa, Margarida Rebelo Pinto pensou e criou o seu mais recente livro, "Quando Voltares Para Mim", que se baseia na amizade entre mulheres e conta histórias do universo feminino.

"Apeteceu-me fazer uma coisa completamente diferente. O ‘Quando Voltares Para Mim’ relata conversas entre mulheres e situações muito mundanas do dia a dia. Mostra o meu lado mais pragmático, mais trocista, mais alegre… É um livro alegre", resume a escritora sobre o seu 14.º romance.

Romântica por natureza, Margarida assume que é mais fácil escrever sobre amor quando se está apaixonada: "Há mais garra, mais força, mais motivação. Todos os escritores precisam de uma inspiração e com um ‘muso’ é muito melhor do que sem ‘muso’!", diz, bem-disposta, sem confirmar se tem namorado.

Veja as fotos!

 

 

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção