PUB
PUB
Internacional
Cher perde processo para ficar com tutela do filho de 47 anos
Cher
Redação Lux em 1 de Fevereiro de 2024 às 18:35

Cher perdeu o seu processo para ficar com tutela do filho toxicodependente, de 47 anos. A cantora de 77 anos pedia para instituir-se temporariamente como única curadora dos bens do filho,e argumentou várias vezes ter medo que o filho, diagnosticado como bipolar e com esquizofrenia “não permaneça vivo até ao final do ano”, mas de acordo com o tribunal, Elijah Blue Allman tem provado ser capaz de “administrar as suas finanças”, tem um apartamento e tem-se mantido “sóbrio”, depois de ter sido submetido a vários testes de despiste para drogas.

“Não questiono o facto de as inquietações de Cher serem motivadas pela preocupação com o seu filho. Não acho que (Elijah) questione isso.” Ainda assim, considerou que não há “provas suficientes” que justifiquem uma tutela de emergência, só com base em “medos” e cenários “hipotéticos”, referiu o juiz.

Os advogados de Elijah Blue pediram a Cher que procedesse ao pagamento das pensões regulares do fundo da cantora “diretamente” para quem o filho deve dinheiro, em vez de “para as mãos dele”.

 

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

PUB
pub
PUB
Outros títulos desta secção