PUB
PUB
Internacional
Redação Lux em 4 de Junho de 2024 às 17:23
Fernanda Abreu, cantora pop dos anos 80 mais emblemática do Brasil, vai estar em Portugal
1/3 - Fernanda Abreu Foto: Divulgação
2/3 - Fernanda Abreu Foto: Divulgação
3/3 - Fernanda Abreu Foto: Divulgação

A mítica cantora brasileira Fernanda Abreu, vai ser a grande atração musical do cartaz do Bossa Market 2024, que vai decorrer dias 8 e 9 de junho na Fiartil, Estoril. 
 
Fernanda Abreu, a mãe do “pop dançante brasileiro” e madrinha do “funk carioca”, vai apresentar os maiores sucessos dos seus 33 anos de carreira a solo, num espetáculo especialmente preparado para o Bossa Market.

Lux - É a sua primeira vez em Portugal?
Já venho a Portugal há muitos. O meu pai é de Lisboa e tenho família em Lisboa. Profissionalmente, a primeira vez que vim a Portugal foi para fazer um espetáculo, na Praça Sony, na Expo 98. E desde então, tenho vindo várias vezes a Portugal fazer espetáculos.

Lux - O que conhece da música portuguesa?
Sobre a música contemporânea estou um pouco desatualizada. Conheço bem Xutos e Pontapés, Jorge Palma com quem tive a oportunidade de cantar, no Casino Estoril. Fiz uma colaboração nos anos 90 com a banda Cool Hiponese. Tenho um grande amigo que vive em Lisboa, o Pierre Aderne que me apresentou vários músicos, como Luís Caracol, Sara Tavares, com quem tive a honra de cantar. E que é uma grande perda na música em língua portuguesa. Conheço bastante o fado contemporâneo, mas preciso de me atualizar um pouco com a música atual. 

Lux - R40 é um hino no Brasil. Como vê esta nova corrente de artistas brasileiros?
O Rio 40 é um clássico da música brasileira e uma música muito importante para o Rio de Janeiro. Hoje a música brasileira, que tem muitos estilos como o samba ou pagode, tem grande predominância do funk, que eu acompanho desde 1989, quando foi lançado o 1º disco de funk carioca.  Hoje é uma grande mistura. Há ainda uma grande corrente de artistas sertanejos. A música brasileira é muito diversa. Tem muitos ritmos, melodias e poesias 

Lux -  O que pode o público português esperar do seu concerto no Bossa Market?
O meu show vai ser de 1h15. Vou sem a minha banda completa, porque o palco do Bossa Market é um palco para shows em formatos mais pequenos. Não é a minha cenografia, nem a minha iluminação completa. Mas vai ser um show onde vou mostrar o meu repertório. O público português pode esperar os meus maiores sucessos. Vai ser um espetáculo animado e dançante.

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

PUB
pub
PUB
Outros títulos desta secção