PUB
PUB
Internacional
Miley Cyrus fala sobre razões do divórcio e confessa: 'Eu amo-o muito, ainda hoje, vou sempre amá-lo'
Liam Hemsworth e Miley Cyrus - Antestreia de «The Hunger Games» em Los Angeles Foto: Reuters
Redação Lux em 4 de Dezembro de 2020 às 15:00

Miley Cyrus voltou recentemente a falar na separação  Liam Hemsworth, que em agosto de 2019 surpreendeu o mundo.

"Era muito conflituoso", revelou ao apresentador de rádio Howard Stern.

A cantora, que acaba de lançar um novo álbum,  Plastic Hearts, explicou que o seu relacionamento se tornou muito conflituoso. “Quando eu volto para casa, quero alguém para me apoiar. Dramas e discussões não me excitam”, disse Miley, que está novamente solteira novamente desde que se separou do cantor Cody Simpson.

A artista 28 anos confessou que o incêndio que devastou a Califórnia em novembro de 2018 e destruiu a  casa foi uma das grandes causas que levou ao desmoronar da relação precipitando o casamento. “A nossa casa ardeu. Estávamos noivos - não sei se planeávamos mesmo casar-nos ... Perdi tudo, lembra Miley Cyrus. Eu tinha um monte de coisas e deu tudo certo ... e agarrei-me ao que restou da casa, isto é, ele e eu. "

Miley Cyrus  e Liam Hemsworth casaram-se a 23 de dezembro de 2018, dois meses após os incêndios, na cidade de Nashville. Apesar da separação anunciada poucos meses depois, quase 10 anos após o seu encontro no set do filme The Last Song, a cantora confessou que ainda mantém fortes sentimentos em relação ao ex-marido: “Eu amo-o muito, ainda hoje, vou sempre amá-lo. "

 

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

PUB
pub
PUB
Outros títulos desta secção