Internacional
Schumacher é internado em hospital de Paris para “tratamento secreto”
Schumacher
Redação Lux em 11 de Setembro de 2019 às 11:01

Michael Schumacher foi levado para Paris, esta segunda-feira (9), onde foi internado no Hospital Europeu Georges Pompidou, para um tratamento secreto, segundo avança o jornal 'Le Parisien'.

O jornal explica que o antigo piloto vai ser tratado por uma equipa liderada pelo professor Philippe Menasché, um conceituado cirurgião cardíaco de 69 anos, pioneiro em  terapia celular para tratar a insuficiência cardíaca.

Menasché faz parte do Conselho de Administração do Instituto do Cérebro e Medula Espinhal em Paris e tem realizado  tratamentos experimentais em pacientes com insuficiência cardíaca com injeções feitas a partir de células cardíacas jovens derivadas de células estaminais.

Quase seis anos passados sobre o acidente de esqui que o deixou em coma, o estado de saúde do antigo campeão de Fórmula 1 continua a ser mantido em sigilo pela família.

Jean Todt, que foi diretor da equipa técnica da Ferrari, ex-chefe do piloto alemão, deu, no mês pasasdo, novos detalhes sobre o seu estado durante uma entrevista à Radio Montecarlo, confidenciando que visita regularmente a família em Gland, uma cidade junto ao Lago Leman, na Suíça e que vê com Schumacher as corridas Fórmula 1 pela televisão.

"Sou sempre cuidadoso com este tipo de declarações, mas é verdade. Vejo as corridas com Michael Schumacher em sua casa na Suíça. Michael está nas melhores mãos e bem cuidado em casa. Não se rende, continua a lutar. A família está a lutar muito também e, obviamente, a nossa amizade não pode ser o que era antes, simplesmente porque não há a mesma comunicação de antes. Mas ele continua a lutar, e a família também", contou.

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
pub
Outros títulos desta secção