PUB
PUB
Internacional
A luta de Felipe e Letizia para salvarem o casamento
Felipe e Letizia com as filhas Leonor e Sofia
Redação Lux em 14 de Fevereiro de 2024 às 13:00

Desde o início de dezembro que os gestos da rainha Letizia são minuciosamente analisados. Quem a admira procura descobrir neles algum traço de tranquilidade, os que não nutrem simpatia procuram confirmar, seja através do olhar mais triste ou de uma postura menos natural, a versão que corre na imprensa espanhola de que os dias da ex-jornalista no Palácio da Zarzuela estão contados.

Não é a primeira vez que Felipe e Letizia são alvo de rumores de crise no casamento, mas, desta vez, segundo os meios de comunicação espanhóis, o casal, e sobretudo o rei, estão a ter dificuldades em lidar com as polémicas declarações de Jaime del Burgo, o ex-cunhado de Letizia, que afirmou ter vivido um romance com a rainha que durou até depois do casamento. Nesse dia em que as acusações saíram a público, Felipe e Letizia estiveram juntos num evento na Zarzuela e o mal-estar foi visível, apesar de os reis terem tentado, em vão, disfarçar.

As declarações de Jaime del Burgo levantaram uma densa poeira em torno do casamento real e, embora muitos tenham considerado que não era digno de credibilidade, as suas palavras tiveram consequências diretas no comportamento e na relação dos monarcas.

Vários jornalistas especializados em assuntos da realeza vão mais longe e afirmam que o casamento pode não sobreviver a este escândalo, e que só ainda não terminou devido a uma cláusula assinada no acordo nupcial. Um acordo exposto no livro “Adeus, Princesa”, escrito pelo primo de Letizia, David Rocasolano. Segundo ele, se Felipe e Letizia se separassem, a rainha receberia um subsídio e duas residências e, caso não assinassem o divórcio, manteria o tratamento de Alteza Real. Porém, a cláusula mais importante de todas e a única, dizem, capaz de fazer Letizia não querer avançar com a separação diz respeito às filhas.

No documento, redigido antes do casamento, diz que, em caso de separação, a guarda total dos filhos do casal será concedida a Felipe. Agora que Leonor tem 18 anos é diferente, mas por ser sucessora ao trono, a sua preparação como futura rainha obriga-a a permanecer com o rei. Já Sofía, que completa 17 anos no dia 29 de abril, por ser menor, também fica obrigada a viver com o pai. Pilar Eyre, que já escreveu vários livros sobre a família real, disse recentemente não ter dúvidas de que Letizia esperará 15 meses até a filha ser maior de idade para se separar de Felipe, já que a convivência entre os dois está a tornar-se muito difícil.

Esta não é a primeira vez que o casamento de Felipe e Letizia é posto à prova. Em 2013, no rescaldo de todas as polémicas vividas pela família de Felipe, com o exílio de Juan Carlos e o caso de corrupção de Iñaki Urdangarín, sucederam-se os ataques à coroa. Letizia queria que Felipe afastasse a família para não prejudicar a Casa Real, mas o rei demorou a tomar as decisões e a relação ficou melindrada.

Nesse ano, foi publicado um artigo explosivo no jornal ABC, onde Almudena Martínez falava do “afastamento” entre Felipe e Letizia. Dizia que os “fortes rumores de uma crise conjugal” teriam sido incentivados “por algumas saídas privadas de Dona Letizia, a sós, com os amigos e uma ocasional do príncipe, quando foi sozinho ao aniversário de um primo”. Alguns meios de comunicação afirmaram, então, que o casamento esteve tão perto do fim que os jornais já haviam preparado as manchetes. Foi quando os conselheiros reais entraram em ação e utilizaram o acordo nupcial para dissuadir Letizia.

Dez anos depois, a situação inverte-se e parece ser Felipe quem está com dificuldades em seguir em frente, depois da polémica infidelidade trazida à luz pelo próprio Jaime del Burgo. Desde o dia 10 de janeiro, quando visitaram uma escola, em León, que os reis não surgem juntos em público, apesar de continuarem com uma agenda cheia de eventos, aos quais têm assistido a solo. 

Matéria publicada na Lux 1239 de 29 de janeiro de 2024

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

PUB
pub
PUB
Outros títulos desta secção