PUB
PUB
Internacional
Emmanuelle Debever, atriz que acusou Gérard Depardieu de assédio sexual, encontrada morta
Gérard Depardieu e Emmanuelle Debever em "Danton"
Redação Lux em 15 de Dezembro de 2023 às 17:33

Emmanuelle Debever foi encontrada morta no dia 7 de dezembro. Segundo a imprensa internacional, a atriz francesa de 60 anos ter-se-á suicidado ao atirar-se ao rio Sena sendo que o Ministério Público de Paris abriu uma investigação para apurar as causas que levaram à sua morte.

Emmanuelle Debever foi uma das primeiras atrizes a acusar o ator francês Gérard Depardieu de assédio sexual. Em junho de 2019, a atriz denunciou nas redes sociais que Depardieu tinha colocado as mãos por baixo da sua saia e que tentou  tocá-la durante as gravações do filme Danton, de 1982: “O monstro sagrado se permitiu a muitas coisas durante as filmagens, aproveitando a privacidade dentro de uma carruagem ao deslizar a sua grande pata por baixo da minha saia, supostamente para me fazer sentir melhor…“.

O depoimento de Debever foi incluído no documentário “Gérard Depardieu: La Chute De l'Ogre”, juntamente com o depoimento da atriz Hélène Darras, que deu entrada com um processo de abuso sexual contra Depardieu durante as rodagens de “Disco”, em 2007.

Segundo o Liberátion, a atriz desapareceu rapidamente do grande ecrã depois de alguns papéis na década de 1982.

Em entrevista ao “Le Figaro”, no passado mês de outubro, Gérard Depardieu negou todas as acusações, afirmando estar a ser alvo de um “linchamento”.

 

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

PUB
pub
PUB
Outros títulos desta secção