PUB
PUB
Internacional
Morreu o piloto espanhol Carles Falcón, aos 45 anos
Carles Falcón Foto: @DakarFlash
Redação Lux em 16 de Janeiro de 2024 às 11:12

Carles Falcón, o piloto espanhol de 45 anos, que tinha sofrido uma acidente com gravidade na segunda etapa da prova de motas no Dakar, morreu no dia 15 de janeiro.

Há três dias, os médicos do hospital de Riade autorizaram que o piloto, em estado crítico, voltasse ao seu país, mas o motociclista não resistiu aos ferimentos sofridos no dia 7 de janeiro na segunda etapa do rali Dakar de todo-o-terreno de 2024.

“A equipa médica confirmou-nos que os danos neurológicos causados pela paragem cardiorrespiratória no momento do acidente são irreversíveis. Ele deixou-nos. O Carles era uma pessoa sorridente, sempre ativa, que desfrutava com paixão de tudo o que fazia, em especial as motas. Deixou-nos a fazer algo que era o seu sonho, correr o Dakar. Estava a desfrutar, era feliz em cima da mota. Devemos recordá-lo pelo seu sorriso e pela felicidade que gerava em todos”, anunciou a equipa TwinTrail em comunicado. 

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

PUB
pub
PUB
Outros títulos desta secção