Internacional
Príncipe André fala pela primeira vez nas acusações sexuais
Príncipe André fala pela primeira vez nas acusações sexuais em entrevista à BBC2
Redação Lux em 18 de Novembro de 2019 às 15:02

O príncipe André falou publicamente pela primeira vez sobre os seus vínculos com o empresário Jeffrey Epstein, encontrado morto na sua cela de Nova Iorque, em agosto deste ano, quando enfrentava novas acusações de tráfico sexual de menores.

Em entrevista à BBC2, o príncipe negou categoricamente ter tido relações sexuais com Virginia Giuffre, quando esta tinha 17 anos, uma acusação que remonta a 2015

A americana Virginia Giuffre fez declarações em que  denunciava ter tido relações sexuais com o filho da rainha de Inglaterra pelo menos três vezes, entre 2001 e 2002.

Virginia Giuffre citou o dia 10 de março de 2001 e o duque de York  clarificou que, nesse dia, tinha levado a filha mais velha, a uma festa numa pizzaria de Woking, fora de Londres, algo “muito incomum” para ele.

"Não aconteceu. Posso dizer categoricamente que nunca aconteceu. Não me recordo ter conhecido alguma vez esta senhora", insistiu várias vezes o príncipe de 59 anos.

Virginia Giuffre descreve vários pormenores do primeiro encontro com André referindo que este traspirava muito. O príncipe André desmentiu as acusações apoiando-se no facto de sofrer de uma “condição médica” que o impedia de suar em consequência da sua participação na Guerra das Malvinas.

O príncipe admitiu ter ficado várias vezes hospedado nas casas Epstein tinha nos EUA mas confessou nunca ter suspeitado de qualquer comportamento inapropriado por parte do empresário. Lamentou ter continuado a aceitar a sua hospitalidade depois deste ter sido condenado em 2008 a 18 meses de prisão por prostituir uma menor.

 

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
pub
Outros títulos desta secção