Internacional
Woody Allen chega a acordo em processo contra a Amazon
Woody Allen - Prémios do American Film Institute 09.06.17 Foto: Reuters
Redação Lux em 22 de Novembro de 2019 às 11:15
Woodyal Allen  abriu um processo  em que acusava a Amazon de romper contrato para a produção e distribuição de filmes, em 2018.
 
Recorde-se que a empresa cancelou o contrato quando o filme  "Um Dia de Chuva em Nova Iorque" estava pronto e pelo qual investiria em mais três longas-metragens de Allen.
 
O processo de 68 milhões de dólares  aberto pelo cineasta contra a corporação, foi encerrado com um acordo sigiloso.
 
Woody Allen evidenciou o  “clima de caça às bruxas” que contaminou o movimento #MeToo e fez renovar as acusações de que Allen abusou sexualmente da filha adotiva em 1992, quando esta tinha 7 anos.

Várias investigações independentes concluíram que nada havia ocorrido, a Procuradoria não conseguiu reunir indícios suficientes para processá-lo e o caso foi encerrado.

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
pub
Outros títulos desta secção