PUB
PUB
Internacional
Lara Fabian revela que sofreu assédio na sua carreira: 'não aceitei, denunciei na frente da própria pessoa '
Lara Fabian Foto: DR
Redação Lux em 27 de Outubro de 2020 às 17:05

A cantora Lara Fabian revelou ter sido vítima pelo menos uma vez de comportamento inadequado por parte de um homem, durante uma entrevista para um documentário, no Quebec.

A estrela de 50 anos, que vive Quebec, no Canadá, com o marido, Gabriel Di Giorgio e a filha Lou, contou ao jornalista Kevin Sweet, da Ici Radio-Canada: “Vivi muito de perto ... Nunca falei disso, nunca. Até no documentário. Eu acredito que há, como mulher, às vezes, um preço que a gente está disposta a pagar em nome de certos sonhos (...) vivi e apertei o botão de parar. E foi difícil, porque eram simplesmente consequências".

Lara Fabian afirmou que preferiu ignorar certos sucessos a ceder à chantagem. “Para mim, a consequência por quem eu sou como mulher teria sido muito mais grave do que não poder realizar certas coisas. Hoje posso dizer a mim mesma que não entrei nesse ciclo, não aceitei, denunciei na frente da própria pessoa", acrescentou ela, especificando que tem consciência de que o medo agora finalmente mudou de e que as mulheres estão menos ansiosas do que no passado para ir "gritando dos telhados" o que pode ter acontecido em um escritório ou num "encontro" com um homem.

A cantora, que não deu mais detalhes sobre o que sofreu ao longo de sua carreira, também elogiou que, a partir de agora, as mulheres vítimas de comportamentos inadequados não sejam mais tratadas como "loucas".

 

 

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

PUB
pub
PUB
Outros títulos desta secção