PUB
PUB
Internacional
Redação Lux em 30 de Maio de 2022 às 14:00
Exilado nos Emirados Árabes Unidos desde 2020, Juan Carlos regressa a Espanha
1/2 - Juan Carlos esteve em Sanxenxo para assistir à Taça de Espanha de Regatas Foto: DR
2/2 - Juan Carlos esteve em Sanxenxo para assistir à Taça de Espanha de Regatas Foto: DR

Após o escândalo financeiro de 2020, Juan Carlos deixou Espanha para viver exilado em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos. Pela primeira vez desde então, o rei emérito, de 84 anos, regressou para uma viagem de apenas quatro dias, envolta numa enorme controvérsia e cobertura mediática.

Segundo o comunicado da casa real, a viagem representa a vontade de Juan Carlos “viajar frequentemente a Espanha para visitar a família e os amigos, e organizar a sua vida pessoal”. Juan Carlos aterrou em Vigo, para, em Sanxenxo, assistir à Taça de Espanha de Regatas, uma das suas competições preferidas, e aproveitou também para apoiar o neto, Pablo Urdangarín, que jogou andebol pelo Barcelona, em Pontevedra.

Na visita que culminou com um almoço no Palácio da Zarzuela, em Madrid, o rei emérito andou sempre apoiado numa bengala ou num dos seguranças que o acompanhou, revelando uma saúde frágil. Ainda assim, esteve sempre bem-disposto e confessou-se ansioso por reencontrar a família.

Depois de uma reunião de quatro horas com o filho, o rei Felipe VI, no palácio, Juan Carlos almoçou com a rainha Letizia, a neta, a infanta Sofía, a filha, infanta Elena, e seus filhos, a irmã, a infanta Margarida, e a mulher, a rainha Sofia, que por estar com Covid não privou com a família à mesa, mas esteve presente no palácio. Nesse mesmo dia, Juan Carlos regressou a Abu Dhabi.

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

PUB
pub
PUB
Outros títulos desta secção