Internacional
Mulher de Chris Cornell considera suicídio do marido 'inexplicável'
Chris Cornell 1024 - Março 2017 - Foto: Reuters
Redação Lux  com AA em 20 de Maio de 2017 às 17:32

A mulher de Chris Cornell disse não acreditar que o cantor teve a intenção de se matar.

Vicky Cornell, casada com o vocalista dos Soundgarden, sugeriu que os remédios para ansiedade que o cantor tomava podem ter desempenhado um papel na sua morte.

"O que aconteceu é inexplicável, e eu tenho esperança de que os relatórios médicos adicionais vão fornecer mais detalhes", disse Vicky Cornell em comunicado. "Eu sei que ele amava os nossos filhos e que não iria magoá-los tirando a sua própria vida intencionalmente".

Cornell, de 52 anos, foi encontrado morto no seu quarto de hotel em Detroit na noite de quarta-feira, após tocar na cidade com a banda de grunge.

O médico legista do condado de Wayne determinou a causa da morte do cantor como suicídio por enforcamento.

Kirk Pasich, advogado da família, disse que esta ficou perturbada com a conclusão de que Cornell "conscientemente e intencionalmente tirou a sua própria vida" antes de serem liberados os resultados dos testes de toxicologia.

"A família acredita que, se Chris se suicidou, ele não sabia o que estava a fazer, e que drogas ou outras substâncias podem ter afetado as suas ações", disse Pasich.

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
pub
Outros títulos desta secção