PUB
PUB
Notícias
'As Troianas' da Companhia de Teatro de Sintra em cena na Quinta da Regaleira
Susana Arrais no contexto da peça As Troianas Foto: Direitos reservados/Chão de Oliva
Redação Lux em 11 de Julho de 2024 às 15:44

A nova peça da Companhia de Teatro de Sintra conta a história da resistência das mulheres (troianas) na guerra. "As Troianas", com encenação de Susana C. Gaspar e Paulo Campos dos Reis, estará em cena até 10 de agosto, na Quinta da Regaleira Lisboa

A estreia de "As Troianas", a mais recente peça da Companhia de Teatro de Sintra - Chão de Oliva, com encenação de Susana C. Gaspar e Paulo Campos dos Reis, e texto de Hélia Correia e Jaime Rocha, estreou no dia 4 de julho, na Quinta da Regaleira.

A peça retrata o papel de resistência das mulheres na guerra de Troia, num texto que gera ressonâncias na nossa contemporaneidade. "As Troianas" proporciona uma reflexão sobre a guerra e o modo como esta afeta todas as gerações, com impactos profundos na economia, cultura, educação, saúde, em profundo atropelo aos direitos humanos. Neste contexto trágico, as mulheres são um dos grupos mais vulneráveis, frequentemente consideradas um símbolo do sucesso masculino.

A peça recorre, assim, a uma abordagem contemporânea que ressoa diretamente nas guerras a que assistimos em pleno século XXI e no papel de resistência que as mulheres continuam a tomar. Para a direção artística do Chão de Oliva, “a guerra não é um território masculino. É um território com impactos diretos na vivência de todos os seres humanos. Através da reescrita da peça a duas vozes, uma masculina e outra feminina, e seguindo a mesma duplicidade na encenação, pretendemos estabelecer este diálogo que suscite reflexões sobre dinâmicas de poder e que demonstra a futilidade da própria guerra”.

Susana C. Gaspar e Paulo Campos dos Reis, que contaram com o apoio na dramaturgia do autor e dramaturgo Jaime Rocha, encenam esta criação que se integra no ciclo “geografia da resistência” a que o Chão de Oliva se tem dedicado em 2024, ano em que se celebram os 50 anos da liberdade em Portugal.

O elenco conta com intérpretes de reconhecimento nacional e internacional, tais como André Pardal, Catarina Rôlo Salgueiro, Hugo Sequeira, Ivo Alexandre, Marques d’Arede, Paula Pedregal, Rute Lizardo, Susana Arrais e Susana C. Gaspar. O espetáculo será apresentado na Quinta da Regaleira, local repleto de referências clássicas, de forma a maximizar a experiência cultural do espectador e valorizar o património cultural de Sintra.

A produção estará em cena até 10 de agosto e as apresentações terão lugar às quintas, sextas e sábados, às 21h30. Os bilhetes podem ser adquiridos em Blueticket ou diretamente na bilheteira da Quinta da Regaleira, em Sintra, e têm um custo de 13€. Os munícipes de Sintra usufruem de um desconto de 10% caso adquiram o ingresso na bilheteira física.

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

PUB
pub
PUB
Outros títulos desta secção