PUB
PUB
Nacional
Maria Botelho Moniz fala de como é afastar-se de Vicente e revela como é o filho
Maria Botelho Moniz - Gala 31 anos da TVI Foto: Tiago Frazão/Lux
Redação Lux em 1 de Março de 2024 às 11:00

Numa das ainda raras saídas desde que foi mãe, há três meses, Maria Botelho Moniz não esconde o duplo sentimento que a invade sempre que se separa de Vicente. Foi o que aconteceu na noite em que assistiu à festa do 31.º aniversário da TVI: “Sou uma mãe que deixou um filho para trás. [risos] Deixei para trás o meu coração.” Apesar do tom brincalhão, a apresentadora confessa que são difíceis, mas necessários os afastamentos graduais para quando regressar ao trabalho: “Tenho muitas saudades de trabalhar, dos meus colegas, morro de saudades do meu Cláudio, da minha equipa, mas o regresso está para breve. Ainda não tenho a semana definida, mas será em março”, conta. 

“Já ando a testar as águas. De vez em quando, já saio para ir ao supermercado, depois no dia seguinte vou ao correio. [risos] Vou fazendo umas saídas devagarinho. A minha saída mais longa foi para ir fazer o ‘Dois às 10’ de aniversário, em que estive uma manhã fora, e foi bom também para ele se habituar a ficar com outra pessoa. Nesse dia senti que me faltava um pedaço, mas sei que está bem entregue.” Quanto à personalidade do filho revela: “É um bebé muito fácil, acho que ele é um bebé feliz. Acorda a sorrir, adormece a sorrir e ri-se a dormir. É muito mais do que sonhava. Pensar que era ele que estava aqui dentro, para mim, é surreal. É incrível, somos uns sortudos.”

Quanto às noites, diz que estão “a entrar no ritmo. Há noites em que já faz quatro horas, outras três. É um bebé muito bem-disposto, só chora quando tem fome ou sono, de resto, está sempre bem, é um príncipe”. As parecenças físicas também já se notam: “É igual ao Pedro, não tenho a menor hipótese ali. O que não faz mal porque o pai é lindo, portanto só posso ficar feliz.” Mais para a frente, quando Pedro Bianchi Prata estiver fora e a apresentadora regressar ao trabalho, a família irá adaptar-se à nova realidade: “Vai ser como em todas as casas. Vai acontecer e vamos ter de lidar com isso. O Pedro já viajou e eu fiquei com o nosso filho a full time, mas já temos alguém que vai ficando de manhã e tudo se vai encaixar.”

Ao namorado, no seu recente papel de pai, a apresentadora não poupa elogios. ”É um pai babado, tudo o que o Vicente faz, para o Pedro é como ganhar um campeonato do mundo. ‘Ai que ele agarrou uma argola, ai que ele está a rir, ai que ele deu aos pés’, é muito dedicado. Faz exatamente as mesmas coisas que eu faço, é um paizão.” Quanto aos planos de casamento, é rápida a resposta: “Do casamento falamos cada vez menos, não há tempo. [risos] No entanto, eventualmente, há de acontecer.”

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

PUB
pub
PUB
Outros títulos desta secção