PUB
PUB
Nacional
Matilde Reymão conta à Lux como o namorado a ajudou a preparar-se para as cenas de surf de “Cacau”
Matilde Reymão Foto: Artur Lourenço/Lux
Redação Lux em 2 de Fevereiro de 2024 às 18:00

É com muito entusiasmo, mas também com forte sentido de profissionalismo que Matilde Reymão fala do grande desafio que é dar vida à personagem principal da nova novela da TVI, “Cacau”. “É a minha primeira protagonista e é realmente uma responsabilidade muito grande! Apesar de ser um projeto de todos, é óbvio que, fazendo o papel principal, a responsabilidade é acrescida. São mais cenas que têm de ser gravadas por dia e a história anda toda muito à volta dela. Acabo por estar inserida em quase todos os núcleos e ter de perceber o que se vai passando em cada um”, explica a atriz, que fará 24 anos em fevereiro.

O impacto de interpretar aquela que dá nome à própria novela já se faz sentir na vida de Matilde, que começa a sentir a empatia do público que a reconhece e a chama de Cacau. “Já está a acontecer! As pessoas falam muito no cabelo [risos], porque é uma coisa que salta à vista”, conta. Além do carinho de quem a vê, a novela também lhe traz outras alegrias, como o facto de contracenar com atores veteranos: “Tem sido muito bom! Tenho a sorte de ter calhado num projeto com pessoas que já admiro há muitos anos, e é sempre muito bom aprender com os mais velhos, e mesmo com as pessoas da minha idade que têm mais experiência.”

Regressar às novelas, e logo com um papel com tanto destaque, tem sido uma experiência marcante para a atriz, que reconhece ter estado nervosa nos primeiros dias de gravação. Um nervosismo que ainda se mantém, agora por outras razões: “Nos primeiros dias, estava a tremer! Já estava parada há uns meses e o princípio de algo é sempre muito desafiante. Sim, estava muito nervosa. E também estou nervosa para saber o feedback do público, porque temo-nos dedicado 100% a este projeto e tenho vivido basicamente para isso. Estou muito ansiosa para saber o feedback!”

A apoiá-la nesta fase tão importante, Matilde Reymão tem contado com o apoio do namorado, o surfista Nic Von Rupp, que a ajudou a preparar-se para as cenas de surf da sua personagem. “Claro! Já tinha umas noções de surf. Comecei a surfar com ele”, revela Matilde, explicando a reação de Nic quando soube que a namorada iria “apanhar umas ondas” na novela: “Eu disse-lhe: ‘bem, a minha personagem vai surfar...’ Ele: ‘Vês, eu não disse? Eu não disse que era bom aprenderes a surfar?’ E é verdade, quantas mais coisas conseguirmos fazer, mais acrescentamos ao nosso trabalho.” Apesar do gosto por este desporto, não é fácil ter agora disponibilidade para o praticar: “Não tenho tido muito tempo. [risos] Já tive mais o bichinho do surf. Sou muito ligada à natureza, tal como a Cacau, e é muito boa a sensação de estar no mar. Mas agora, precisamente por estar a gravar esta novela que exige tanto de mim, não posso arriscar a que me magoe e tenham que parar as gravações por uma lesão que faça a surfar. Tem de ser tudo muito doseado nesta fase, porque a minha atenção vai 100% para a Cacau.”

Mesmo assim, há algo de que não abdica, que é ter tempo para estar com quem mais gosta. “Tem sempre que haver tempo para a vida pessoal. Pelo menos para mim, a melhor forma de recarregar energias é perto dos meus, então arranjo sempre forma. Às vezes, nem que seja entre cenas, ir dar só um beijinho à minha tia-avó e voltar para casa. O tempo é uma coisa relativa, na verdade. Achamos sempre que não temos, mas para o que importa há sempre um tempinho”, defende.

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

PUB
pub
PUB
Outros títulos desta secção