Nacional
Ator Bruno Candé assassinado
Bruno Candé
Redação Lux em 10 de Agosto de 2020 às 08:00

Bruno Candé foi assassinado no dia 25 de julho e a sua morte é, aos olhos de muitos, um crime com motivações racistas.

O ator estava sentado num banco de uma rua em Moscavide, nos arredores de Lisboa, quando um homem de 80 anos o alvejou.

À PJ, o autor do crime alegou não ter motivação racista para o ato, justificando-o com desavenças a propósito de um incidente com a cadela da vítima.

No entanto, há testemunhas que afirmam que o homem de 80 anos dizia com frequência ao ator que este devia “voltar para a sua terra” e que um dia o iria matar. O ator, de 39 anos, deixa três filhos.

 

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
pub
Outros títulos desta secção