Nacional
Morreu Roberto Leal
Roberto Leal (Lux)
Redação Lux em 15 de Setembro de 2019 às 19:11

O cantor Roberto Leal morreu este domingo, dia 15 de setembro, aos 67 anos.

O músico, que nasceu em Portugal, na aldeia transmontana Vale da Porca, lutava contra um cancro há dois anos e tinha sido internado na unidade semi-intensiva do hospital Samaritano, em São Paulo, há dias, após ter sofrido uma queda.

De acordo com a imprensa brasileira, o artista sofreu uma reação alérgica a um medicamento.

Roberto Leal era casado há mais de 40 anos com Márcia Lúcia A. Fernandes, com quem tinha três filhos do artista: Rodrigo, de 39 anos, produtor e músico; Manuela Fernandes, de 36 anos, atriz; e Victor Diniz, de 29 anos, pintor.

O velório será esta segunda-feira na Casa de Portugal, em São Paulo, entre as 12h e as 18h de Portugal Continental. Roberto Leal será sepultado no Cemitério Congonhas, na cidade onde vive há mais de 50 anos.

"Queria dizer que se trata de uma perda profunda para a comunidade portuguesa, para a que vive no Brasil e mais especificamente em São Paulo", disse à Lusa José Luís Carneiro, atual secretário de Estado das Comunidades, adiantando que Roberto Leal era um "símbolo da simbiose entre a música tradicional e popular portuguesas e as várias manifestações culturais existentes no Brasil".

Roberto Leal emigrou para o Brasil com a família, os pais e nove irmãos, em 1962, quanto tinha onze anos.O sucesso musical chegou em 1971 com a canção “Arrebita”.

Desde aí, vendeu mais de 17 milhões de discos, teve 30 discos de ouro e cinco de platina.

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
pub
Outros títulos desta secção