PUB
PUB
Nacional
José Castelo Branco nega divórcio: 'Não houve pedido nenhum, não é assunto sequer!'
José Castelo Branco Foto: Tiago Frazão/Lux
Redação Lux em 22 de Maio de 2024 às 12:47

José Castelo Branco afirmou à Lux que não teve qualquer contacto com Roger. "Eu vi que chegou mas não entrou em contacto comigo o que também não acho normal, não sei de nada, continuo sem notícias da Betty". Castelo Branco notou ainda que Marcela Fernandes, a ex-amiga que entretanto acusa de lhe ter "desaparecido com as roupas", acompanhava Roger Basile na sua chegada. "Era minha amiga, insistiu que me trazia as malas, dizia que estava com gripe e andava a adiar e agora percebo que fui enganado. É uma falsa. Agora trabalha para o Roger, agora sei que foi ela que desde o início esteve metida neste trama toda para me afastar da Betty".

Desesperado com a impossibilidade de ver Betty e as acusações que lhe são dirigidas, José Castelo Branco sente-se sem forças e muito desanimado. Diz que todos as pessoas o aconselham a regressar aos EUA. "Faria melhor com certeza, aqui estou no meio de um circo pavoroso, mas eu não consigo, e se a Betty acorda e diz "I Want to see Zé"? Eu tenho que estar cá para ir a correr para o pé dela".

Sobre as acusações, continua a demonstrar "total perplexidade" e clamar inocência.  "Não tenho nada a temer, não há fundamento para me acusarem de nada. Seria incapaz de fazer mal à minha Betty! Não sei o que ela pode ter dito descompensada com toda a certeza pelos níveis de sódio a que chegou e com que maldade isso veio a ser processado. Sempre lhe dei força, sempre puxei por ela e tenho a consciência tranquila de que tudo o que sempre fiz foi apoiá-la e puxar por ela". Surgem pessoas muito duvidosas e maldosas de todos os lados a fazerem acusações absurdas! Onde estiveram elas durante esses trinta anos em que achavam que eu maquilhava a Betty aos estalos e outras coisas absurdas? Compactuavam era? A história que aqui querem fazer valer não tem sentido absolutamente nenhum".

Mais de duas semanas após serem-lhe aplicadas medidas de coação, José Castelo Branco foi, no dia 24 de maio, Direção-Geral de Reinserção Social, para lhe ser colocada a pulseira eletrónica, para que não se aproxime da mulher, Betty Grafstein: "Era escusado, eu não saio de casa, mas é uma pulseira amorosa, parece um relógio digital. Eu cumpro o que o juiz decretou e se é para andar com a pulseira também vou andar”, garante o socialite que nestes últimos tem a sua saúde afligida por causa de um ataque de gota.

“Estou a ser espezinhado por todos os lados mas o pior de tudo é a Betty estar no hospital sozinha, abandonada e envenenada. Eu sei que ela precisa de mim”

O socialite conta ainda que conta com o apoio de alguns amigos, nomeadamente Marluce, de quem está em casa,  do filho Guilherme e de David Motta, que lhe emprestou várias roupas.

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

PUB
pub
PUB
Outros títulos desta secção