PUB
PUB
Nacional
Novo tema de Ana Bacalhau incentiva 2 milhões de portugueses com Obesidade a procurar ajuda médica
Mude o Ritmo da Sua Vida - Ana Bacalhau
Redação Lux em 25 de Maio de 2022 às 13:07

A campanha ‘Mude o Ritmo da Sua Vida’ arranca com oo lançamento da canção ‘Eu vou’, um tema inédito, composto e interpretado por Ana Bacalhau.

A campanha ‘Mude o Ritmo da Sua Vida’, lançada no âmbito do Dia Nacional de Luta contra a Obesidade, celebrado a 21 de maio, tem como objetivo motivar as pessoas que vivem com Obesidade em Portugal a procurar um médico para as apoiar no seu processo de perda de peso.

Nesta música, agora disponível  no site averdadesobreopeso.com, a artista inspira-se no mote da campanha cujo objetivo é mostrar a quem vive com esta realidade que não está sozinho e que é importante procurar ajuda médica para um tratamento adequado da doença.

Sobre a canção, Ana Bacalhau explica: "“A música “Eu Vou” pretende enfatizar a importância de darmos o primeiro passo e de procurarmos ajuda de uma forma positiva e leve, mas, ao mesmo tempo, empoderadora”.

De acordo com estimativas recentes, 67,6% da população em Portugal tem excesso de peso ou Obesidade, sendo que a prevalência da Obesidade é de 28,7% (o equivalente a mais de 2 milhões de portugueses). Um estudo recente revela que apenas 2 em cada 10 pessoas procuram um médico para falar sobre o tema3. Foi com este racional que a Novo Nordisk, a ADEXO, a SPEO e a SPEDM se uniram para desenvolver uma campanha que reconhecesse a obesidade como um problema de saúde prioritário, para o qual é fundamental a intervenção de um profissional de saúde especializado.

Sobre o propósito da campanha, que tem como assinatura #AVerdadeSobreOPeso, Carlos Oliveira, Presidente da ADEXO, refere que “encontrar um profissional de saúde especializado é o primeiro e crucial passo nesta jornada de combate a esta doença. Apoiar esta campanha, faz para nós todo o sentido, uma vez que consideramos que é necessário criar um suporte de informação claro sobre o excesso de peso e a Obesidade, que contribua para colocar o médico no centro da resposta para uma doença que é cada vez mais preocupante, e cuja prevalência se perspetiva vir a aumentar nos próximos anos”.

Também José Silva Nunes, Presidente da SPEO, partilha a mesma opinião no que toca ao combate à Obesidade: “O médico é – e será sempre – central na resposta para apoiar as pessoas com excesso de peso ou Obesidade a seguir o melhor caminho e o tratamento mais adequado. O aumento da prevalência da Obesidade representa um enorme desafio que torna urgente agir para travar uma doença cujo impacto vai muito para além da esfera individual, afetando famílias, os sistemas de saúde, a economia e o progresso social do nosso país. Esta campanha ajuda-nos a fazer esse caminho e a chegar mais próximo dos doentes”.

Para João Jácome de Castro, presidente da SPEDM, “Apesar de Portugal ter sido um dos primeiros países a reconhecer a Obesidade como doença crónica, há ainda muito a fazer para uma adequada abordagem da doença no nosso país. É imperativo tornar o tratamento da obesidade mais equitativo e criar condições para o fim do estigma e discriminação das pessoas que vivem com obesidade. É igualmente inadiável um reforço da prevenção da Obesidade e da sensibilização para o tema, onde campanhas como esta desempenham um papel fundamental”.

Mais informação sobre a campanha está disponível no website averdadesobreopeso.com ou em Mude o ritmo da sua vida.

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

PUB
pub
PUB
Outros títulos desta secção