Nacional
Vanessa Barros Cruz em 23 de Dezembro de 2015 às 12:11
Fotos: Fernando Mendes dedica a comédia “Noivo por Acaso” ao amigo Eusébio
Com a voz embargada, no fim da peça, Fernando Mendes dedicou a estreia ao seu “amigo Eusébio”: “Custou-me um bocadinho dizê-lo, porque gosto muito dele.” 

Na plateia, a viúva do futebolista aplaudiu. “Tocou-me muito o coração, porque eles eram muito amigos”, afirmou à Lux, elogiando “Noivo por Acaso”, em cena no Teatro Villaret, em Lisboa, até março: “Há muito que não me ria tanto!” As gargalhadas encheram durante hora e meia a sala, onde quatro atores interpretam dez personagens. 
 
“É muito agradável fazer parte de uma equipa tão talentosa. O Fernando Mendes tem uma forma de estar em palco muito nossa, muito portuguesa. É uma aprendizagem tremenda”, disse Patrícia Tavares, que pisa o palco 
ao lado de Carla Andrino e Jorge Mourato.

Para o protagonista, Fernando Mendes, o segredo do sucesso é simples de expli­car: “Humildade, nada de vede­tismos e respeito pelos portugueses.” No caso desta peça, em concreto, há mais ingredientes: “O texto é muito  bom e os atores são muito bons. Quando há empenho, as coisas têm de resultar”, concluiu, dizendo-se feliz com o feedback 
recebido do público. 
Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
pub
Outros títulos desta secção