Internacional
Brasil decreta três dias de luto pela morte da antiga primeira-dama Marisa Lula da Silva
Lula da Silva na inauguração do Centro Educacional de São Bernardo Foto: Reuters
Redação Lux  com AA em 4 de Fevereiro de 2017 às 10:43

Marisa Letícia Lula da Silva morreu na sexta-feira, cerca de 24 horas depois de ter sido declarada morte cerebral, e o Presidente brasileiro, Michel Temer, decretou luto oficial de três dias pela morte da ex-primeira-dama.

Na quinta-feira, Temer tinha-se deslocado, com outros governantes e políticos, ao Hospital Sírio-Libanês, para dar condolências ao ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, quando foi declarada a morte cerebral de Marisa Letícia.

Em comunicado, o hospital informou na sexta-feira que Marisa Lula da Silva, de 66 anos, foi declarada morta às 18:57 locais (20:57 em Lisboa).

Casada com o ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, foi primeira-dama do país entre os anos de 2003 e 2011.

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção