Nacional
Primo direito de Cristiano Ronaldo morre depois de um trágico acidente de viação
Cristiano Ronaldo (Lux)
Redação  com Vanessa Bento em 11 de Março de 2010 às 18:07
Depois da tragédia que se abateu sobre a Madeira e, consequentemente, sobre a família de Cristiano Ronaldo, esta sofre agora mais uma perda insubstituível. Foi na noite do passado dia 9 que Miguel Santos, de 32 anos, primo direito do jogador, morreu num hospital da Madeira.

«Ele teve um acidente e entrou em coma. Acabou por morrer na noite de terça-feira. Mal soube vim logo para a Madeira. Cheguei ontem (10 de Março)», começou por dizer a mãe de Cristiano Ronaldo, Maria Dolores Aveiro, visivelmente consternada.

De acordo com a matriarca da família, Cristiano Ronaldo está muito abalado com a morte prematura do primo, mas não vai ao funeral.

«Estamos muito mal. É uma tristeza. A minha irmã ainda está pior. Perdeu a casa e agora perde um filho. É terrível. Mas estamos todos a apoiá-la. O funeral vai ser amanhã, às 14h, aqui na Madeira. O meu filho não vai cá estar, mas tem dado todo o seu apoio», ressalvou.
Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
pub
Outros títulos desta secção