Nacional
Redação Lux em 5 de Janeiro de 2014 às 12:10
Eusébio: Portugal perdeu um dos seus «símbolos», António José Seguro
O secretário-geral do PS, António José Seguro, considerou hoje que com a morte de Eusébio Portugal perdeu um dos seus «símbolos» e recordou a «magia dentro de campo» do antigo futebolista.

«Portugal perde hoje um dos seus símbolos. Morreu Eusébio, o pantera negra. Alguém que com a magia dentro do campo de futebol e com a sua simplicidade, levava o nome de Portugal ao mundo e nos fazia ter mais orgulho em sermos portugueses», escreveu António José Seguro na sua página da rede social Facebook.

Eusébio da Silva Ferreira morreu hoje (5) às 04:30 vítima de paragem cardiorrespiratória, disse à agência Lusa fonte do clube.

O «Pantera Negra» foi eleito o melhor jogador do Mundo em 1965 e conquistou duas Botas de Ouro (1967/68 e 1972/73). No Mundial Inglaterra de 1966 foi considerado o melhor jogador da competição, na qual foi o melhor marcador, com nove golos.

Eusébio nasceu a 25 de janeiro de 1942 em Lourenço Marques (atual Maputo), em Moçambique.

Lusa
Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
pub
Outros títulos desta secção