Nacional
Pedro Pinho vence prémio CineVision do Festival de Cinema de Munique
A Fábrica de Nada, de Pedro Pinho
Redação Lux em 3 de Julho de 2017 às 10:53

 O realizador português Pedro Pinho venceu o prémio CineVision do Festival de Cinema de Munique, na 35.ª edição, com o filme “A fábrica de nada”, anunciou a organização do certame.

“O prémio CineVision para melhor novo filme foi para ‘A fábrica de nada’, de Pedro Pinho. O júri considerou o filme ‘um drama comovente, um musical peculiar, um documentário preciso, um ensaio desafiador – compre quatro por um com este excelente filme em tempos de turbo capitalismo”, refere a organização do festival num comunicado hoje divulgado.

"A fábrica de nada", com três horas de duração, é interpretado por atores e não atores e segue a vida de um grupo de operários que tentam segurar os postos de trabalho, através de uma solução de autogestão coletiva, e evitar, assim, o encerramento de uma fábrica.

 

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção