Nacional
Andreia Couto despedida da Liga
Andreia Couto Foto: DR
Redação Lux em 18 de Outubro de 2018 às 14:59

Andreia Couto, antiga diretora jurídica, diretora executiva e presidente interina da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) e e irmã de Fernando Couto foi despedida da Liga por suspeitas de divulgação de documentação confidencial e acesso indevido à mesma.

O caso, que remonta a abril, está a ser investigado pela Polícia Judiciária que apreendeu o telemóvel e o computador da ex-diretora executiva.

Nas acusações da Liga a Andreia Couto, é referido o facto de "desrespeitado" Proença numa sessão de formação" e  de "ter falsificado as declarações de amamentação do seu filho mais novo".

Andreia Couto enviou uma carta à Liga onde nega todas as alegações e afirma não reconhecer “legitimidade” à Liga para a sancionar com “despedimento por justa causa”

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção