Nacional
Redação Lux em 25 de Maio de 2016 às 15:00
Solteira e dedicada aos dois filhos, Vanda Miranda explica razões da saída da Rádio Comercial

Quase dez anos depois de integrar a equipa das manhãs da Rádio Comercial, Vanda decidiu mudar de vida e aceitou o convite para apresentar o programa da noite da M80. Uma decisão difícil, mas tomada com consciência: “Foram quase dez anos fantásticos, em que fiz muita coisa quevai ficar na minha memória. Obviamente que fazer as manhãs é o topo da carreira, ainda por cima as da Comercial, que ganharam muita projeção, mas há alturas na vida em que uma pessoa 
sente necessidade de mudar. Acordava todos os dias às cinco e meia da manhã e o cansaço vai-se acumulando. Por muito que se goste do que se está a fazer, uma pessoa tem de perceber que, se calhar, é altura de parar, por muito que custe. O Tiago tem 7 anos, já nasceu comigo a fazer o programa da manhã, e senti que acabava por estar a perder coisas da vida dele, como estar com ele de manhã e levá-lo à escola”, justifica.

“Pensei muito, antes de tomar esta decisão, portanto estou tranquila com ela. Ainda hoje de manhã, ia com o meu filho no 
carro e perguntei-lhe: ‘Gostas que a mãe esteja em casa de manhã, que te leve à escola?’ E ele disse: ‘Gosto muito!’ Isso dá-me a certeza de que tomei uma boa decisão”, afirma. 

Solteira e dedicada aos dois filhos, Sofia, de 22 anos, e de Tiago, de 7, Vanda diz que tem com ambos relações distintas: “Fui mãe da Sofia aos 22 anos, portanto é natural que tenhamos quase crescido juntas. Ainda hoje, as pessoas têm comigo aquela conversa de que nós passamos por irmãs, e eu espero que não seja só simpatia! Acho que a nossa cumplicidade vem daí, de termos crescido uma com a outra. Eu a aprender a ser mãe com ela e ela a habituar-se a ter uma mãe relativamente jovem. O Tiago é rapaz e tem uma relação
muito próxima com o pai. Os rapazes são muito diferentes das raparigas, reparo que são muito mais físicos nas brincadeiras, querem é lutas e jogar futebol. Às vezes digo-lhe assim: ‘Filho, a mãe não quer brincar às lutas. Senta-te aqui que eu vou ler um livro.’ Ele diz-me logo que eu só quero fazer brincadeiras sentada! [risos]”

A locutora de rádio e a filha mais velha partilham num blog as suas aventuras culinárias. Vanda confessa foi contagiada pelo gosto culinário da filha. 

“É curioso, porque a Sofia era daquelas crianças que não gostavam de nada. Se pudesse, passava o dia todo com um copo de leite e um pão com manteiga! A partir do início da adolescência, começou a mostrar interesse pela cozinha e isso acabou por inverter essa esquisitice. Eu, influenciada pela vontade que ela tinha de cozinhar, ainda comecei a gostar mais, porque começámos a partilhar esse gosto as duas”, conta à Lux.

O prazer de cozinhar a duas foi um dos fatores que levaram mãe e filha a aventurar-se no blog Vanda Miranda, no qualmostram alguns dos seus pratos: “Começámos a partilhar receitas e fotografias com os nossos bolos e cozinhados.  A Sofia participa ativamente. Aliás, na maioria das vezes, ponho-a a cozinhar e eu só tiro as fotografias e como o que ela faz! [risos] É a parte melhor!”, conta.

Ao contrário de Sofia, o irmão, Tiago, ainda não dá sinais de gostar de cozinhar: “Às vezes, tento puxá-lo para a cozinha, porque sou defensora de que devemos educar os rapazes da mesma forma que educamos as raparigas, para depois não terem a desculpa de dizer que não sabem cozinhar [risos]. Eu espero que a minha futura nora diga assim: ‘O Tiago sabe cozinhar e arrumar a casa porque a mãe dele o educou assim!’ Mas, para já, ele não mostra grande interesse. De vez em quando, chamo-o para me ajudar, mas não passa de espremer umas laranjaspara fazer sumo.”

 

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção